Páginas

7 de janeiro de 2014

Sobre escritores em Rio Grande: cogumelos de verão?



Para a conclusão da disciplina de Teorias da Criação Ficcional, do curso de pós-graduação em Letras - Escrita Criativa, no primeiro semestre de 2013, aproveitei o nosso caso, o de quem estuda, discute e produz literatura em Rio Grande, como tema. Tomei como exemplo os trabalhos de estreia de cinco escritores publicados em 2012, Rody Cáceres, Paulo Olmedo, Volmar Camargo Junior, Daniela Delias e eu, e discuti alguns aspectos que me pareciam, e ainda parecem, importantes nessa nossa constituição identitária de escritor.

Hoje, começando 2014, acordei com uma ideia de projeto de escrita que tem a ver com a influência do lugar da produção de ficção, o que obviamente ainda é resquício dessa reflexão lá de junho do ano passado. Deu vontade de compartilhar a minha dúvida (somos cogumelos de verão?), o estudo, a entrevista (que já mostrei aqui), o exercício do meu olhar de crítica sobre nosso fazer artístico, enfim. Taí.

O ensaio:

O projeto? Tem nome e sobrenome, já. Devo começar em breve. :D Vem aí

Roteiro Rio Grande: ficções de um lugar

2 comentários:

  1. Somos cogumelos de todas as estações, Andréia. Papareias que se metem em tudo que podem na arte literária.
    Parabéns pelo excelente trabalho. Muito bom.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Muito legal. Mas muito legal mesmo. Ótimo registro de uma época. Fico contente por fazer parte disso.

    ResponderExcluir